PokéPark Wii: Pikachu's Adventure - Pokémon Blast News

Novidades

Ad superior

25/09/2021

PokéPark Wii: Pikachu's Adventure


O spin-off PokéPark Wii: Pikachu's Adventure foi a nova aposta da The Pokémon Company para o console Nintendo Wii no ano de 2009, sendo lançado oficialmente no Japão em 5 de dezembro deste mesmo ano. Como o nome já diz, o jogo gira em torno do Pikachu, que neste caso será a representação do jogador nesta aventura. Você pode conferir o trailer oficial desta aventura abaixo:


O objetivo principal aqui é recuperar todos os 14 fragmentos do Prisma do Céu (Sky Prism Piece), e para isso você viajará por algumas zonas em que Pikachu terá que ajudar alguns Pokémon a resolver seus problemas. Depois disso, deve enfrentar um ou dois desafios principais chamados Attractions, nos quais você tem que atingir uma pontuação pré-determinada para assim obter o prêmio destacado e avançar no jogo.


Contudo, não pense que estes desafios são baseados em batalhas de turno; neste spin-off, é necessário usar as habilidades motoras para se dar bem - a grande inovação do console Nintendo Wii!

História de PokéPark Wii: Pikachu's Adventure


Em um dia qualquer, Pikachu e seus melhores amigos Charmander, Chikorita e Piplup estão se divertindo quando encontram o Pokémon mítico Mew, que os atrai até um pequeno buraco ao chão mais a frente. Logo após, Pikachu acidentalmente cai neste buraco, e em seguida seus companheiros resolvem pular também, para salvar seu parceiro.


Após uma grande queda, Pikachu aparece em um local diferente daquele onde estava. Mais à frente, descobrimos ser o PokéPark: um parque de diversões criado por Pokémon para os próprios Pokémon se divertirem.

Entretanto, o jogador logo descobre o que o destino estava planejando fazer quando Mew conta a você que Pikachu é o único capaz de restaurar o Sky Prism, um item necessário para salvar este lugar chamado de PokéPark da destruição eminente, promovendo também a amizade entre os Pokémon novamente por aqui.


Antes de entrar na primeira zona do parque, o recepcionista Chatot vai te ensinar como usar alguns movimentos e mostrar alguns detalhes. Por fim, ele entrega o PokéPark Pad, recurso importante em sua aventura, pois este vai mostrar quantas Berries você possui, a quantidade atual de amigos do Pikachu, os seus stats e quanto filme resta na câmera, pois aqui será possível tirar fotos durante sua jornada, além de salvar o seu jogo sempre você que quiser.


Ao finalmente chegar no parque, a primeira zona que conhecemos é a Meadow Zone, área totalmente verde e controlada pelo Venusaur, que aqui é um Pokémon um tanto egoísta e excessivamente protetor a princípio.

Logo de cara, o Zone Keeper da área não vai te deixar sair e visitar as outras zonas. Apenas após obter a pontuação desejada em sua Attraction é que Venusaur vê o quão divertido é para os outros Pokémon brincar ali e que não há perigo algum, então ele nos deixa ir para procurar nossos amigos, bem como as demais Sky Prism Pieces restantes.


Entretanto, antes de irmos embora, Venusaur te faz um pedido especial: ele pede que Pikachu leve uma mensagem ao Empoleon e Blaziken, que são Zone Keepers de outras áreas, dizendo que está arrependido por ter brigado com eles e que deseja voltar a antiga amizade que tinham. 

Agora com Chikorita a salvo (já que ela estava aqui mesmo na Meadow Zone) e dois pedidos de desculpas a enviar, você precisa ainda resgatar seus outros 2 amigos. Mas ao chegar no Meeting Place (centro do Poképark), descobrimos que existem outras 6 zonas além da Meadow Zone para explorar. Não se preocupe, pois a viagem ficará muito mais fácil utilizando a linha aérea Drifblim para voar entre as zonas.


Após se divertir bastante nas diversas atrações do Poképark, conhecer Blaziken e Empoleon e os demais Zone Keepers, resgatar seus amigos iniciais e obter todos os fragmentos do Sky Prism, chegou a hora de encontrarmos com Mew no Sky Pavilion e enfrentar o desafio final proposto por ele. Com isto feito, basta apenas restaurar o prisma e ir embora deste lugar. Mas será que após tantas diversões será possível mesmo deixar o PokéPark? Isso você terá que descobrir por conta própria!


Sistema de Amizade Pokémon e Skill Games

Em PokéPark Wii: Pikachu's Adventure não existe sistema de captura Pokémon, mas é possível obter outros personagens jogáveis assim que Pikachu fizer amizade com eles. Ao desbloquear alguns amigos específicos, outros aparecerão na região, como as suas evoluções ou outras espécies aleatórias. 


Existem ao todo 193 Pokémon com os quais Pikachu pode fazer amizade, contendo nesta lista espécies das 4 primeiras gerações de jogos, e estes serão divididos em duas categorias: Amigos (indicados com ícone rosa) e Melhores Amigos (marcados com um ícone de arco-íris). 


O ícone vai aparecer tanto ao lado do nome do Pokémon na Friend List do PokéPark Pad quanto ao lado do nome dele nos balões de fala, como mostrado na imagem anterior. Só é preciso fazer amizade com um Pokémon de cada espécie que automaticamente os outros que aparecerem vão ser nossos amigos também.

Embora essa classificação não altere em nada o enredo do jogo ou tenha alguma relevância, é um tanto complicado fazer Melhores Amigos (com exceção de Charmander, Chikorita e Piplup), sendo até exaustivo - pois, em alguns casos, teremos de jogar com estes diversas vezes para atingir esse status.

E por falar nos jogos, que aqui são chamados de Skill Games, esta é a melhor forma de fazer amizade, desbloqueando novos parceiros para usar suas habilidades nas Attractions. Ao todo, existem 5 diferentes tipos de jogos, e ao vencer uma vez o desafio proposto pelo adversário, a amizade com este é garantida.

Chase


Conhecido no Brasil como Pega-Pega, é o minijogo mais popular entre os Pokémon e consiste em acertar um Dash (movimento similar ao Tackle e Quick Attack) no Pokémon ao se aproximar dele, em um tempo pré-determinado. Com isto, o adversário dá uma cambalhota no ar, e como isto tudo foi bastante divertido, decide se juntar a Pikachu para praticar mais vezes.

Hide-and-Seek


Também conhecido como Esconde-Esconde, neste minijogo você deve localizar o adversário em um espaço de tempo pré-determinado. Para isso, o jogador vai se guiar através da voz do seu inimigo, que só pode ser ouvida se Pikachu estiver próximo dele. Porém, não se preocupe caso você esteja longe de seu alvo, o próprio jogo vai te dar esta informação.

Quiz


Trata-se de um quiz em que serão feitas três perguntas de múltipla escolha, cada uma com três opções de resposta. Neste minijogo, não há limite de tempo para responder as perguntas, mas ao errar alguma delas, o questionário reinicia; e não se iluda: voltando ao início, outras perguntas serão feitas ao invés das respondidas anteriormente.

Battle


Em PokéPark Wii: Pikachu's Adventure temos as famosas batalhas Pokémon também, porém de uma maneira totalmente diferente daquelas baseadas em turnos dos jogos principais. Aqui, Pikachu vai se mover pela tela enquanto ataca o adversário com Dash, Thunderbolt ou Iron Tail e desvia dos ataques de seu inimigo. A vitória é garantida ao zerar o HP do adversário ou caso você derrube este em uma superfície com água.

Um detalhe interessante é que para deixar mais próximo aos jogos principais, eles mantiveram o sistema de fraqueza e resistência dos jogos, existindo inclusive a possibilidade de treino para deixar os movimentos mais fortes e aumentar a barra de HP do Pikachu.

Obstacle Hop


Este é o minijogo menos executado e consiste em basicamente saltar entre um obstáculo a outro até chegar a linha de chegada sem cair, pois quando você erra o salto e o Pikachu vai ao chão, você volta do primeiro obstáculo. No entanto, o tempo não é resetado após a queda. Às vezes, você terá que desviar também dos golpes do Pokémon que popôs o desafio, tornando as coisas um pouco mais difíceis.

Attractions

O ponto alto deste spin-off é sem dúvidas as Attractions, 14 desafios que vão te deixar preso durante algum tempo para obter a pontuação desejada. Elas são desafios diferentes que consistem em testar alguma habilidade manual do jogador e o recompensarão com Berries e Sky Prism Piece em todos eles.


Contudo, Berries são necessárias para jogar as Attractions, pois todas exigem um pagamento que varia entre 5 a 40 destas. Berries podem ser obtidas em árvores (ao se usar Dash contra elas), caixas ou vencendo qualquer um dos Skill Games, e poderão vir em três cores diferentes: verdes (equivalente a 10 berries), vermelhas (equivalente a 20 berries) ou douradas (que variam entre 50 a 100 berries), sendo que o máximo que um jogador pode carregar é um total de 9.999 em sua bolsa.

Voltando às atrações, a maioria delas será desbloqueada após uma série de eventos em que você precisa encontrar itens ou fazer amizades com certos Pokémon e, após estarem desbloqueadas, você poderá selecionar Pikachu ou qualquer um de seus amigos para disputá-las, o que as tornam ainda mais divertidas. 

É claro que ao escolher um outro Pokémon, a pontuação para obter os bônus (sejam eles Berries ou fragmentos) vai aumentar ou diminuir, dependendo de como o Pokémon vai se sair no desafio selecionado. Em uma prova aquática, por exemplo, um péssimo nadador como Psyduck pedirá menos pontos que Floatzel, que é muito mais rápido.


Fato interessante é que Pikachu pode participar de quase todas as Attractions, só que para selecioná-lo para algumas destas precisamos de Passwords para que ele obtenha alguns equipamentos necessários para a prova. Passwords também vão servir para que possamos recrutar Celebi, Groundon, Jirachi e Darkrai para nosso grupo de amigos. Todos esses códigos especiais são inseridos na tela inicial do jogo.

Por fim, após obter uma recepção bastante positiva por parte do público, o jogo recebeu uma continuação de sua história em PokéPark 2: Wonders Beyond, lançado para o Wii no ano de 2011. Neste novo título, tivemos a adição de alguns Pokémon da 5ª Geração e houve a inclusão do modo multiplayer. Vale a pena conferir também se você é fã da série PokéPark. Você pode encontrar uma matéria sobre esse jogo clicando aqui.


Post Top Ad