Pokémon TCG: Tudo Sobre Escuridão Incandescente - Pokémon Blast News

Novidades

Ad superior

12/08/2020

Pokémon TCG: Tudo Sobre Escuridão Incandescente

TCG Darkness Ablaze Arte

A próxima coleção do Pokémon TCG está batendo na porta. Pensando nisso, hoje iremos trazer tudo que você precisa saber sobre a tão esperada Escuridão Incandescente (Darkness Ablaze).

Informações gerais

Com lançamento agendado para 14 de agosto, Escuridão Incandescente é a terceira coleção ocidental do bloco Espada e Escudo, composta pelas coleções japonesas Explosive Walker e Infinity Zone, lançadas em abril e junho, respectivamente. Como tema, os tipos noturno e fogo foram colocados em evidência.

No blog oficial da Copag, a descrição dada foi a seguinte: "uma chama reluzente no dia mais sombrio. A noite aveludada brilha, queima e arde em um clarão esplendoroso com a chegada do Pokémon Lendário Eternatus como um Pokémon V, acompanhado de Centiskorch V, Mew V, Slowbro de Galar V e muitos outros. Você também encontrará Pokémon VMAX em suas formas Gigantamax: Charizard VMAX, Grimmsnarl VMAX, Butterfree VMAX e muito mais! Aumente a sua coleção com a nova coleção Espada e Escudo – Escuridão Incandescente."

TCG Escuridão Incandescente logo

No total, virão 201 novas cartas, incluindo 14 Pokémon V7 Pokémon VMAX, 13 Full Arts e 12 Secretas Raras.

Informações sobre os produtos que chegarão ao Brasil podem ser encontradas aqui.

 Para ficar de olho

Dentre as novas cartas, listamos as que, ao nosso ver, são as mais promissoras e interessantes para o competitivo. Lembrando que o nome, a sigla e o número de identificação de cada uma serão escritos ao lado de seu nome.

Também é importante ressaltar que as traduções nas imagens não são oficiais e podem sofrer alterações. Os nomes dos Apoiadores estão na versão em inglês.

Rose (DAA 168) e Rose Tower (DAA 169)

O bloco Espada e Escudo tem como estrelas as cartas VMAX, portanto, naturalmente, ganhamos cartas Treinador para fortalecê-los. É o caso do novo Apoiador Rose, que deve facilitar a energização de VMAX com custo de ataque alto. Seu ônus de descartar a mão pode não ser tão comprometedor considerando a chegada do estádio Rose Tower, que vai permitir que o jogador se recomponha mais facilmente. Combos com Silvally-GX (CEC 184) também serão possíveis, fazendo de Rose muito promissor.

TCG Rose DAATCG Rose Tower DAATCG Silvally GX CEC

Piers (DAA 165)

Seguindo o tema de Escuridão Incandescente, Piers vem para dar mais consistência aos Decks do tipo noturno, que está no foco dessa vez. Seu efeito deve ser muito bem aproveitado, em particular, pelo Deck mais aguardado da coleção: Eternatus VMAX.

TCG Piers DAA

Bird Keeper (DAA 159)

Pessoalmente uma das minhas cartas favoritas da nova coleção, Bird Keeper combina poder de compra e recuo, garantindo-lhe o potencial de se tornar uma staple, isto é, uma carta que fará parte da maioria dos Decks e listas. Sua importância pode crescer ainda mais, se o também aguardado Vikavolt V se consolidar no grupo das estratégias mais populares.

TCG Bird Keeper DAA

Spikemuth (DAA 170)

Apesar de, à primeira vista, não parecer grande coisa, Spikemuth com certeza vai ter papel crucial em Decks que dependem de causar dano em seus próprios Pokémon, como Spiritomb (UNB 112) e Beedrill (TEU 5), ou ainda auxiliar em Decks de spread, em que a intenção é espalhar dano.

TCG Spikemuth DAATCG Spiritomb UNBTCG Beedrill TEU

Glimwood Tangle (DAA 162)

Ataques que envolvem jogada de moeda, mesmo quando possuem efeitos poderosos, costumam ser esquecidos pelos jogadores, exatamente pela grande dependência de sorte. No entanto, com Glimwood Tangle, tais ataques se tornarão muito mais viáveis, e a carta deve ter lugar garantido em Decks que dependerem deles.

TCG Glimwood Tangle DAA

Toughness Cape (DAA 160)

Ferramentas de aumento de vida sempre são bem vindas no formato, ainda mais quando esse aumento é de 50 PS, um valor bem significativo. Dessa forma, Toughness Cape deve ganhar seu espaço, sobretudo combinada com Pokémon V, já que ela não é válida em VMAX ou GX.

TCG Toughness Cape DAA

Turbo Patch (DAA 172)

Apesar do ônus da moeda, Turbo Patch é, merecidamente, a carta Treinador mais aguardada da coleção, pois carrega o potencial de melhorar uma gama enorme de Decks, inclusive alguns que, naturalmente, não veriam muito jogo devido à dificuldade de energização. 

TCG Turbo Patch DAA

Hiding Dark Energy (DAA 175)

Dando continuidade à leva de energias especiais pra cada tipo, que começou em Rixa Rebelde, vem a energia especial do tipo noturno, que tira o recuo dos Pokémon noturnos ligados a ela, efeito que deve dar a Decks desse tipo mais mobilidade e versatilidade.

TCG Hiding Dark Energy DAA

Heat Fire Energy (DAA 174)

Mais uma energia especial de Escuridão Incandescente, Heat Fire Energy concede aumento de vida e deve ter lugar garantido em Decks do tipo fogo, deixando mais difícil nocautear grandes Pokémon. Vale ressaltar que seu efeito é acumulativo, ou seja, o aumento pode chegar até a 80 de HP, se as quatro Heat Fire Energy que uma lista pode conter forem ligadas ao mesmo Pokémon.

TCG Heat Fire Energy DAA

Powerful Colorless Energy (DAA 176)

A última energia especial de Escuridão Incandescente, Powerful Colorless Energy, como seu próprio nome indica, será bastante poderosa, pois vai se encaixar em Pokémon do tipo incolor e ajudá-los a garantir alguns nocautes, especialmente se combinada com o Salamance VMAX. O efeito dela também é acumulativo, então, num cenário perfeito, o dano pode ser aumentada em até 80.

TCG Powerful Colorless Energy DAA

Mimikyu (DAA 79)

Com o formato baseado, principalmente, em nocautes em dois golpes e a média de vida dos Pokémon crescendo cada vez mais, a cura se torna um fator diferencial. Dessa forma, o novo Mimikyu pode ser importante em determinadas situações de jogo, parando, principalmente, o segundo efeito de Lulú & Vitória (CEC 198), carta de cura mais utilizada no momento.

TCG Mimikyu DAATCG Lulú e Vitória CEC

Toxtricity (DAA 63)

Presente em todas as coleções do bloco Espada e Escudo até agora, o Toxtricity dessa vez ganhou um ataque direcionado à estratégia de mill (descartar cartas do baralho do oponente), com custo de apenas duas energias incolores, facilmente substituíveis por uma Energia Gêmea (RCL 174). O ônus da moeda seria um problema grande, mas Will (CEC 208) e Glimwood Tangle devem resolvê-lo na maioria das vezes. 

TCG Toxtricity DAATCG Will CECTCG Energia Gêmea RCL


Golisopod (DAA 18)

Outro Pokémon de 1 prêmio promissor, o Golisopod surge como possível counter de Decks cheios de GX e V. Apenas por duas energias incolores, ou uma Energia Gêmea, ele poderá causar danos massivos a um oponente descuidado, talvez até entrando como elemento surpresa em listas focadas em outro Pokémon.

TCG Golisopod DAA

Hydreigon (DAA 110)

Apesar do histórico recente que aponta contra cartas de aceleração de energia da mão, como Frosmoth (SSH 064), além da inevitável dificuldade de colocar em campo um Estágio 2 com função de suporte sem comprometer a consistência e a velocidade de seu jogo, Hydreigon não poderia deixar de ser citado, já que habilidades desse tipo sempre ganham certa atenção e acabam se encaixando em alguns arquétipos.

TCG Hydreigon DAATCG Frosmoth SSH


Hoopa (DAA 111)

Com ataque semelhante ao do Zapdos (TEU 40), o Hoopa chega como um atacante rápido para decks noturnos, causando dano considerável por um baixo custo de energia e sem condições complicadas.

TCG Hoopa DAATCG Zapdos TEU

Kangaskhan (DAA 133)

Outro atacante rápido, Kanghaskan representa uma boa alternativa de contra-ataque, principalmente para os Decks que carregam Energia Gêmea, então não será surpresa ver pelo menos uma cópia dele em algumas listas.

TCG Kangaskhan DAA

Mad Party

De conceito idêntico ao Deck Night March (Marcha Noturna), que fez sucesso no bloco XY, Mad Party chega num formato totalmente diferente em relação ao do seu antecessor, mas ainda demonstra bastante potencial. 5 Pokémon vão conter o ataque, no total: Mr. Rime de Galar (DAA 36), Dedenne (DAA 78), Bunnelby (DAA 86) e Polteageist (DAA 150), sendo apenas os dois últimos utilizados como atacantes, quase sempre.

TCG Bunnelby DAATCG Polteageist DAA

Decidueye (DAA 13)

Certamente o Pokémon de 1 prêmio mais esperado da coleção, Decidueye tem tudo para ser o principal anti-meta a partir de Escuridão Incandescente, graças a sua habilidade que o torna imune aos poderosos atacantes V e GX, que dominam os principais Decks. Se cumpridas as expectativas, não vai demorar para vermos boa parte das listas utilizando algumas cartas com o a pretensão de "desviar" da dificuldade trazida pelo inicial de Alola.

TCG Decidueye DAA

Stunfisk de Galar V (DAA 128) e Scizor VMAX (DAA 119)

Com Disco de Metal (SSH 170) para acelerar a energização e Lucario & Melmetal GX (UNB 120) para reduzir o dano sofrido, Stunfisk de Galar V e Scizor VMAX têm tudo para ser Pokémon difíceis de se nocautear, ótimos para quem gosta de estratégias de tancagem. No entanto, a fraqueza a fogo, tipo que deve ganhar muito destaque nos próximos 3 meses, deve manter ambos pelo menos uma prateleira abaixo dos melhores Decks.

TCG Stunfisk de Galar V DAATCG Scizor VMAX DAATCG Disco de Metal SSHTCG Lucario & Melmetal GX UNB

Charizard VMAX (DAA 20)

Toda carta do Charizard tem certo valor para os colecionadores, mas o Charizard VMAX também terá utilidade competitivamente. Com generosos 330 de HP (que podem crescer com o uso de Heat Fire Energy), o inicial de Kanto causa incríveis 300 de dano por um custo alto de energias, mas que pode ser facilitado com Soldadora (UNB 189), Volcanion (UNB 25) e até Energia Tripla de Aceleração (UNB 190), se necessário, já que VMAX são considerados evoluções.

TCG Charizard VMAX DAATCG Soldadora UNBTCG Volcanion UNBTCG Energia Tripla de Aceleração UNB

Salamance V (DAA 143) e Salamance VMAX (DAA 144)

Salamence é um dos poucos casos em que não só o VMAX é interessante mas também o V. Combinados com Soldadora e Powerful Colorless Energy, eles podem espalhar dano pela mesa e, no momento certo, dar grandes nocautes. A presença do Mew (UNB 76) limita o potencial do spread, mas ainda é importante ficar de olho no dragão.
TCG Salamance V DAATCG Salamance VMAX DAATCG Mew UNM

Vikavolt V (DAA 60)

Com um dos efeitos mais adorados e odiados do Pokémon TCG, o lock de item, Vikavolt V com certeza vai ser uma das cartas mais testadas após o lançamento de Escuridão Incandescente, ainda que sua real eficiência ainda seja uma incógnita. Uma coisa é certa: se consolidado no meta, Vikavolt vai dar muito trabalho.

TCG Vikavolt V DAA

Centiskorch VMAX (DAA 34)

Considerado por muitos o protagonista do segundo Deck mais forte da nova coleção, Centiskorch VMAX carrega muitas expectativas. Apesar de seu custo de ataque baixo, a intenção do jogador vai ser, na maioria das situações, enchê-lo de energias, para ser capaz de causar nocautes em grandes Pokémon com apenas um golpe. Assim como o Charizard VMAX, ele aceita a Heat Fire Energy, que vai ajudar a mantê-lo vivo por mais tempo.

TCG Censtiskorch VMAX DAA

Eternartus VMAX (DAA 117)

A grande estrela de Escuridão Incandescente é ninguém menos do que o tão temido Eternatus VMAX. Apesar de limitado a Pokémon noturnos, o Deck é tratado indiscutivelmente como aquele a ser batido no próximo formato, por conseguir causar um dano de até 270 sem dificuldade, comportando ainda um leque de complementos que o tornam ainda mais poderoso.

TCG Eternatus VMAX DAA

Crobat V (DAA 104)

A carta mais valiosa e importante da coleção é, sem sombra de dúvida, o Crobat V. Além de principal responsável por garantir consistência ao Eternatus, Crobat vai ganhar espaço em quase todos os Decks, pelo mesmo fator, e com certeza será muito utilizado durante todo período em que for válido para o formato Padrão. Portanto, se abrir um num pacote, sinta-se com muita sorte!

TCG Crobat V DAA

E então, por qual delas você está mais ansioso? Destacaria alguma que não foi citada?

Na próxima semana, vamos falar da rotação de 2020, que vai ocorrer no dia 28 de agosto. Não percam!

A lista completa das cartas, em inglês, pode ser encontrada no site PokéBeach, que também foi a fonte utilizada para as traduções.

Se tem alguma dúvida, crítica ou opinião, deixe nos comentários ou na minha página no Twitter (@PokeCardsBr).

Esta matéria foi escrita numa colaboração entre Matheus Fearinn e Gabriel Kauê.

Post Top Ad