Especial de Halloween 2018 - Os locais mais assustadores nos jogos Pokémon - Pokémon Blast News

Novidades

Ad superior

31/10/2018

Especial de Halloween 2018 - Os locais mais assustadores nos jogos Pokémon

Recentemente, em comemoração ao Halloween, o site oficial do Pokémon postou uma matéria em que citava os locais mais assustadores nos jogos da franquia em todas as regiões. Inspirando-se nessa matéria, hoje, em um Especial de Halloween 2018, mostraremos quais foram os locais mostrados e falaremos um pouco sobre a importância desses na franquia.

Caso queiram ler o material original, escrito em inglês, clique aqui.

Kanto

- POKÉMON MANSION


Com um apelo emocional e nostálgico muito grande, a Pokémon Mansion com certeza traz boas memórias nos pensamentos dos treinadores. Sendo uma das maiores construções dos jogos originais em Kanto, e localizada na Cinnabar Island, ela esbanja quatro andares cheios de Pokémon tipo fantasma e tipo fogo.

Além disso, grande parte de todo o misticismo por trás da Pokémon Mansion com certeza se deve ao mito de Mew e Mewtwo, uma vez que a história Pokémon conta que este foi o local em que ocorreram os experimentos de teste para clonagem do Mew, que, ao darem errado, deram origem à Mewtwo. Prova disso é que a mansão está toda destruída, além do fato de que um dos únicos locais do jogo em que é possível encontrar Ditto (que muitos acreditam estar relacionado à criação de Mewtwo) é justamente na Pokémon Mansion.

- THE POKÉMON TOWER


Localizada em Lavender Town, um dos locais mais famosos dos jogos originais, a Pokémon Tower é uma estrutura de sete andares que encontra-se amaldiçoada e assombrada. Sendo símbolo de um lugar fantasmagórico, a torre serve como cemitério para Pokémon falecidos, o que faz com que seja comum encontrar Pokémon tipo fantasma no local. Por isso, recomenda-se que os jogadores utilizem um Silph Scope, que permite que os fantasmas sejam identificados como Pokémon.

Outro fator que deixa a Pokémon Tower muito assustadora é a famosa história de Cubone e Marowak. Em um certo ponto da história, acredita-se que a mãe de um Cubone se encontrou com alguns membros da Equipe Rocket dentro da torre, e, sendo extremamente machucada no local, seu espírito inquieto, atualmente na forma de Marowak, continuou na região para assombrar as pessoas.

Por fim, algo extremamente importante de se ressaltar em relação à Pokémon Tower é a música de Lavender Town. Conhecida como a música mais assustadora de todos os jogos da franquia, a famosíssima trilha sonora da região ficou conhecida por seu tom sinistro e amedrontador. Caso você não a conheça, procure na Internet por "Lavender Town Music", e entenda o porquê dessa marca.

Johto

- RUINS OF ALPH


Localizada próximo do centro da região de Johto, a oeste da cidade de Violet, a Ruins of Alph consiste em um sítio arqueológico onde há cientistas que tentam descobrir seus segredos. Logo ao entrar, o jogador já nota que a trilha sonora do local remete à algo extremamente assustador, o que torna as ruínas um bom exemplo para esta lista. Além disso, o local apresenta diversos enigmas e mensagens enigmáticas escritas em um alfabeto estranho e desconhecido. Porém, caso você passe a entrar mais nas profundezas da ruína, descobrirá diversas estátuas construídas em homenagem à algo até então desconhecido.

Obviamente, após explorar a Ruins of Alph, você logo encontrará seus habitantes: os Pokémon Unown, que são tão enigmáticos quanto as próprias ruínas. Eles se assemelham à letras e sinais de pontuação vagos, e inspiraram os hieróglifos de dentro das ruínas. Assim, você notará o misticismo por trás do local, explorando seus desafios e encontrando Pokémon misteriosos.


Uma curiosidade interessante sobre a Ruins of Alph é que, caso o jogador entre com um Pokémon o seguindo, este começará a agir de maneira estranha, como se estivesse realmente com medo. É um sistema muito bacana para indicar os mistérios que estão espalhados por dentro da ruína.

Hoenn

- SEA MAUVILLE


Conhecida por seus mares abundantes, a região de Hoenn abriga muitos locais obscuros em suas profundezas. Um desses locais certamente é Sea Mauville, uma instalação de pesquisa desativada há dezenas de anos atrás, ao norte da Rodovia 108. É importante lembrar que para ter acesso ao local é preciso que pelo menos um dos Pokémon em seu time já tenham aprendido o HM Dive.

Em Sea Mauville, o tempo parece ter parado em meio aos destroços. O que antes representava uma instalação com tecnologia de ponta e pesquisas abundantes, agora representa apenas uma relíquia em condições muito precárias. Logo que os jogadores chegam ao local, já é possível perceber isso. Em uma das salas, os jogadores têm a impressão de estarem sendo observados.


Além disso, algumas curiosidades acerca daqueles que um dia viveram em Sea Mauville podem ser encontrados dentro do jogo. À medida que os jogadores vão avançando no local, pode-se encontrar diversas cartas que mostram uma "política de ambiente alegre e divertido" proposta pela empresa, mas que pode ser contrariado pelo fato de que esta pedia aos seus funcionários que colocassem suas vidas em risco em verificações de segurança. Dessa forma, Sea Mauville pode ser considerado um local bem assustador.

Sinnoh

- DISTORTION WORLD


Um dos locais mais famosos de toda a história da franquia, o Distortion World representa um local completamente diferente de qualquer outro jogo Pokémon. O lar de Giratina é um lugar estranho e vazio, totalmente distinto do mundo tradicional em que as pessoas estão acostumadas a viver. Acredita-se que a própria Giratina criou este mundo como uma forma de equilíbrio para o mundo real.

Grande parte do lado assustador do Distortion World deve-se à seu design completamente obscuro, além das plataformas flutuantes e sua cachoeira invertida. Além disso, os efeitos de gravidade são diferentes do comum, levando o jogador à andar nas paredes e até mesmo de ponta cabeça. O tempo nesse mundo também parece não fluir de maneira normal.

Na história de Pokémon Platinum, Giratina leva Cyrus (o líder da Equipe Galática) para seu mundo após este não ser capaz de controlar os poderes de Dialga e Palkia para reconstruir o mundo real. Dessa forma, o jogador é levado à este lugar completamente diferente, o desafiando a entender uma dinâmica e mecânica de jogo totalmente nova e, obviamente, assustadora. 

- OLD CHATEAU

Outro local bastante assustador e bastante famoso de Sinnoh é o Old Chateau. O local consiste em um velho castelo em que é possível perceber que está abandonado e, muito provavelmente, amaldiçoado. Assim, o lugar não poderia de ser citado na lista.

Logo antes dos jogadores entrarem no Old Chateau, já é possível perceber que o local assustador muito provavelmente é assombrado. Ao entrar na mansão, é possível notar que o local encontra-se completamente abandonado e esquecido, já que é possível, inclusive, ouvir as grandes escadarias rangendo enquanto você as sobe. Além disso, a longa mesa na sala de jantar mostra como o local parece estar congelado no tempo.

Observando o meio do Old Chateau, é possível ver que há olhos brilhantes de um retrato que seguem o jogador enquanto este está explorando o lugar. Ao interagir com o retrato durante a noite, o jogador encontrará Rotom, que faz sua primeira aparição assombrando uma televisão. É importante notar que este é o único lugar de Pokémon Platinum em que é possível encontrar Rotom.

Unova

- N'S BEDROOM


Em Pokémon B/W, quando o jogador já está próximo de acabar sua jornada, ele acaba chegando à casa de seu adversário N, em um local bastante estranho na região de Unova. Diferentemente do que poderia imaginar, o quarto do líder da equipe plasma não é um super escritório do mal ou um castelo protegido, mas sim um quarto como sala de jogos de crianças!

Nessa experiência, os jogadores são capazes de compreender o terrível passado de N. Descobre-se que o rival, desde quando ainda era muito pequeno, foi completamente separado de outros humanos e criado com alguns Pokémon. Entretanto, estes Pokémon não eram quaisquer: eram criaturas que haviam sido traídas, maltratadas e feridas por pessoas más. Além disso, N ficou preso durante toda sua infância naquela sala, o que negoi qualquer tipo de oportunidade de se desenvolver como uma pessoa normal.

Dessa maneira, os jogadores entendem que o líder da Equipe Plasma é um personagem diferente de todos os outros. Embora não seja exatamente um local extremamente assustador da história da franquia, o N's Bedroom representa um lembrete eterno e assombroso da vida que nunca foi permitida à ele.

- MARVELOUS BRIDGE




Ao viajar entre as rotas 15 e 16 na região de Unova, você irá se deparar com a Marvelous Bridge, uma grande ponte que representa uma magnífica engenharia. Entretanto, saiba que a ponta guarda um grande segredo sinistro: eventualmente, pessoas que passam por ali relatam que encontram o espírito de uma menina em que, ao se aproximar, simplesmente desaparece!

De acordo com a lenda do local, havia, na época da construção da ponte, uma famosa menina que sempre brincava com seu Abra. Assim, quando a Marvelous Bridge foi terminada, a menina nunca mais voltou. É por isso que, atualmente, muitos especulam que o espirito da menina assombra todos aqueles que tentam passar pela ponte.


Mais detalhes dessa história podem ser encontrados dentro do próprio jogo Pokémon B/W, na Strange House, localizada a leste da Lentimas Town (perto da Reversal Mountain). Logo que os jogadores chegam na Strange House, é possível notar que o local parece misterioso, com pisos quebrados, paredes rachadas e móveis bagunçados. Além disso, nesse local, o espírito da menina aparece novamente, assombrando o jogador e soltando fragmentos enigmáticos de suas lembranças. Ela inclusive chama por seus pais e seu Abra, mas não consegue encontrá-los.

Strange House

Explorando a Strange House em busca de mais respostas, descobrimos que quando a menina ainda estava viva ela desejava devolver um item chamado Lunar Wing para um Pokémon até então desconhecido. Porém, caso explore a casa completamente, é possível que você mesmo ache o item. Assim, devolva o Lunar Wing em Marvelous Bridge, e você terá acesso ao lendário Cresselia.

Kalos

- LOST HOTEL




Localizado na parte norte da região de Kalos, o Lost Hotel representa um antigo hotel para os turistas locais. O que antes muito provavelmente era um local extremamente luxuoso, agora é apenas escombros e ruínas de concreto, com algumas escadas capazes de levar o jogador à uma escada subterrânea. Caso você queira explorar completamente o Lost Hotel para descobrir seus segredos assustadores, precisará acessar suas duas entradas: a da Rota 15 e a da Rota 16.


Uma mecânica interessante do Lost Hotel é que, enquanto os jogadores estão explorando o local e andando entre os móveis quebrados e estantes caídas, é possível interagir com algumas latas de lixo espalhadas, que se mexem por conta própria. Assim, é possível encontrar alguns itens escondidos e até mesmo alguns Pokémon.

Falando em Pokémon, lembre-se de que, caso você visite o local em uma terça-feira, haverá uma chance de encontrar Rotom, tipo fantasma e elétrico lançado na 4ª geração. Caso o jogador tenha sorte, também é possível encontrar todas as várias formas alternativas de Rotom dentro do Lost Hotel. 

Alola

- PO TOWN



Embora Alola seja considerada uma região paradisíaca e tropical, há um local em específico que vai de encontro à tudo isso: a Po Town, localizada na ponta norte da ilha de Ula'ula. Caso o jogador consiga passar pelo enorme muro construído ao redor da cidade, ele encontrará os restos de um local que costumava ser bastante movimentado, o que, agora, o deixa bastante assustador.

Sem cores vivas, o local dentro do jogo parece realmente estar morto: sem mata, veículos enferrujados e um tempo sempre chuvoso. Nos únicos locais em que é possível visualizar algum tipo de cor, há enormes grafites da Team Skull, que utiliza o local como sua base de operações. Justamente por isso, o lugar está repleto de agentes da equipe, que irão chamar o jogador para batalhar assim que o virem.



Um dos únicos locais acessíveis em Po Town é seu centro Pokémon. Mesmo assim, o local está destruido, sem enfermeira e com seu PC sem funcionar. Uma das funcionárias da equipe até ficam no local da máquina de recuperar Pokémon, mas para que isso ocorra é preciso pagar uma taxa de uso.

Outro local em que os jogadores podem entrar e explorar é a Shady House. Utilizada como sede da Team Skull em Po Town, o lugar é uma mansão destruída aparentemente há bastante tempo em que Guzma, líder da equipe, bola os seus planos. Justamente por isso, Guzma pode ser encontrado ao entrar no local.


Considerações Finais

Ao longo de toda a história da franquia, Pokémon reuniu diversos locais assustadores. Entre alguns mais nostálgicos, como a Pokémon Mansion e Sea Mauville, e outros mais recentes, como N's Bedroom e Po Town, o lado sinistro de Pokémon continuou sempre se mantendo firme, com alguns desafios e mistérios que sempre incentivaram os jogadores. Dessa forma, esperemos que essa tradição ainda se mantenha, de forma a fazer com que os jogadores continuem interessados e, claro, sempre tomem alguns sustos. 

Até o Halloween de 2019!





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após a aprovação.
Comentários pejorativos e desviados do assunto abordado no post serão automaticamente excluídos.

A PBN agradece a sua participação!

Post Top Ad