Review: Pokémon XY092


Olá, pessoal!
Estamos finalmente chegando à reta final de Pokémon XY, o que é um grande alívio pra mim!
Então vamos mergulhar fundo na introdução de Olympia e suas profecias para nosso querido Frogadier!
Para mais textos de Sir Charizard, visite o nosso Vale Charicífico clicando aqui.

Episódio 896/ XY092 - Uma Crise em Kalos! A Batalha do Relógio Solar Gigante!!

Se você não pode dizer que foi até o Rio se não tiver conhecido o Cristo Redentor ou o Pão de Açúcar, também não dá pra dizer que se está em Anistar se você não visitar o maior ponto turístico da cidade: o Relógio Solar gigante. Apesar de já estarem na cidade há dois episódios, é aqui que finalmente podemos identificá-la realmente! Somos finalmente apresentados à Líder Olympia e vemos não só o famoso monumento que muitos acreditam ter vindo do espaço sideral, como também o muitíssimo peculiar Ginásio local. Este episódio também marca o retorno de Atushiro Tomioka, que não assumia um roteiro da série desde o XY075 ("Uma Melhor de Três Entre Rivais! Vise o Amanhã!!"). Só o fato de precisar da atenção do construtor da série já nos mostra que certamente este episódio não deve ser tratado de forma leviana.
Dentro da mitologia da série, o tipo Psíquico sempre recebeu um tratamento diferente dos demais por se tratar de um cujo poder não se restringe aos Pokémon, mas também se estende às pessoas dotadas de poderes paranormais. É interessante ver que Tomioka decide fazer uso das habilidades de Olympia para não só nos dar um vislumbre do que está por vir como também para nos mergulhar um pouco mais dentro do passado e dos sentimentos de Frogadier, tudo como forma de preparação para a vindoura fase XY & Z. E tanto o roteirista como sua equipe merecem os parabéns pela forma magnífica como executam isso.
O telespectador já começa instigado com a cena dentro do Ginásio de Anistar, na qual a Líder tem uma visão do futuro: uma tão óbvia quanto vaga. Enquanto os papéis de Ash e Pikachu na crise assim como o envolvimento de Sycamore já eram esperados, é no mínimo curioso que o pesquisador seja chamado "aquele que indica o caminho". É claro que sendo ele um especialista em Mega Evolução e esse sendo um dos prováveis grandes temas de XY & Z, sua presença deve ser importante, mas ser "aquele indica o caminho" quer dizer que ele guiará Ash quando a grande crise estourar? Ou isso se refere à outra parte da profecia, que envolve Frogadier assumindo seu novo poder como Greninja? Ou será que ele guiará o Palletiano de uma outra forma? Será que envolverá Alain?
Ainda assim, a parte da profecia inicial que mais me chamou atenção foi certamente aquela sobre os "profundos olhos verdes". Se as coisas hexagonais verdes no seu rosto forem mesmo olhos, então a charada é matada com uma resposta muito simples: Zygarde. Porém, se o olho for o único hexágono branco, então o jogo muda. A quem a profecia se refere? É provável que seja mesmo ao lendário de Unova, mas é curioso porque no mar de olhos azuis dos personagens de Kalos, ela poderia falar na verdade sobre um dos únicos personagens na série atual a possuir olhos verdes: James! E aí o jogo muda e eu estou torcendo muito pra isso. Se notarmos os planos da Equipe Rocket envolvendo Mega Evolução - e eu devo confessar que foi um amigo meu que me alertou para este detalhe -, James é sempre quem parece se envolver mais: foi ele quem controlou o robô Mega Mega Meowth, foi ele quem lutou pelo controle sobre Mega Garchomp com Sycamore e neste episódio mesmo é ele quem explica para Jessie por que o Relógio Solar é chamado assim, afinal ele não se parece nada com um relógio solar comum - numa ótima imitação do segmento do Professor Carvalho (Tomioka não liga que seja uma piada direcionada exclusivamente ao público japonês).
Além disso, seria ótimo ter o Rocket assumindo um papel de tamanha importância considerando como desde Advanced Generation, quando Jessie decidiu ser uma Coordenadora Pokémon, ele ficou em segundo plano. O que realmente atrapalha tal teoria é o fato de que neste mesmo episódio, Olympia já faz uma predição sobre o envolvimento da própria Equipe Rocket dentro do vórtice da crise. É claro que por um lado isso também pode ser usado para confirmar a importância de James no evento, mas não acredito que haveriam duas profecias sobre a mesma pessoa. (Eu já chequei outros personagens como Sawyer, Lysandre, Alain, Mairin… todos já confirmados neste arco e nenhum deles com olhos verdes. Puni-chan também não. A menos que seja alguém da Equipe Flare, cujos olhos a gente não sabe a cor… ou MISTY - nah melhor nem sonhar).
Em relação ao papel de Frogadier nisso tudo, não dá pra negar que o sapinho sempre foi pensado para um futuro grandioso dentro da série. Tomioka gosta de dar aos monstrinhos narrativas próprias e desenvolvê-los dentro delas, vide o trabalho especial que ele havia realizado com Infernape em Diamond & Pearl. Assim como fizeram com Chimchar e Larvitar, o roteirista nos permite um mergulho no passado do personagem, aprofundando aquilo que já sabíamos sobre ele. Seu comportamento difícil e que poderia facilmente ser julgado como egoísta - afinal, ele estava sendo impaciente com Treinadores iniciantes (imagina só se Pikachu tivesse conseguido abandonar Ash antes que ele provasse ser alguém de valor) - ganha uma nova perspectiva quando Olympia explica que ele sempre desejou se tornar forte, mas descobriu que um Pokémon só consegue liberar seu verdadeiro poder ao lado de um Treinador. A descoberta o levou a buscar então por alguém que não quisesse apenas usar sua força, mas que gerasse uma conexão forte com ele, uma conexão como amor.
A realização desse desejo se concretiza em Ash. É interessante a forma como é dito que o poder que ele adquirirá superará aquele de um Greninja e será algo nunca visto antes, nascido do amor entre Ash e Frogadier - eu fico realmente surpreso que eles tenham decidido usar a palavra amor assim porque eu sinceramente não lembro de o anime usá-la de forma tão forte. Os próprios personagens suspeitam ser uma Mega Evolução, uma possibilidade muito forte, só que não exatamente. Isso porque se Greninja está recebendo a mesma importância que Infernape recebera em DP, Greninja-Ash poderia para Greninja o que o Incêndio especial era para Infernape.
A força única que o macaco podia ativar em momentos de dificuldade ultrapassava o poder da sua habilidade natural, mas o fazia perder o controle. Da mesma forma, Greninja-Ash poderia ser uma espécie de Mega Evolução, sem no entanto ser uma realmente (e sem o papo de perder o controle). Se tem algum lado bom em Pokémon XY & Z chegar sem o lançamento de um jogo novo para acompanhar, é que caso Greninja-Ash seja mesmo exclusivo do anime como tem sido divulgado, isso quer dizer um novo nível de liberdade para os roteiristas. Embora eles sempre basicamente jogaram com suas próprias regras, seria a primeira vez em que eles teriam a liberdade para criar algo novo de fato. Embora isso também possa significar que as tão sonhadas mega evoluções dos Iniciais de Kalos não estejam perto de chegar afinal.
De forma esperta, Tomioka conseguiu fazer do seu episódio de introdução de Olympia mais do que a apresentação do próximo desafio de Ash, mas uma grande prévia dos eventos que estão por vir. A animação do episódio e a trilha sonora são usadas de forma absolutamente fantástica: há um tom místico e urgente nos eventos aqui e as revelações da Líder são tratadas como grandes promessas. A grande crise de Kalos se aproxima e se Tomioka - alguém acredita mesmo que tem chance de algum outro roteirista assumir os grandes momentos? - conseguirá suprir as expectativas que ele está mesmo está plantando, ainda teremos que esperar pra ver, mas eu certamente estou inclinado a confiar no que ele é capaz de fazer.

Considerações finais:
  • O episódio faz muitas menções aos eventos de "A Mega Evolução Mais Forte ~3º Ato~", inclusive mostrando que Ash e cia estão a par dos eventos de alguma maneira. Eu fico só com pena das crianças que vêem Pokémon exclusivamente pelo Cartoon (se essas ainda existirem né), que parece que não vai apresentar nenhum desses episódios nunca, e vão ser expostas a cenas fodas de um capítulo que elas não viram. Eu queria muito saber se esses especiais sequer foram trazidos ao Brasil para dublagem porque caso não tenham sido, será mesmo uma pena. A única forma de saber com certeza é esperar o Netflix começar a lançar os episódios de A Série XY, o que com sorte deve começar a rolar ano que vem;
  • Ainda sobre esse assunto, é interessante ver que os eventos de Hoenn afetariam a região de Kalos, mas Olympia conseguiu proteger a área com os poderes Psíquicos de seus Pokémon e dela própria. É ótimo ser lembrado que Ash não é o único herói por aí e que existem pessoas capazes, especialmente autoridades, protegendo as cidades e evitando catástrofes e não apenas um garoto de 10 anos;
  • Este episódio também marca a estreia de Malva. Assim como nos jogos, ela aparece primeiro dando as notícias (neste caso, sobre o Prof. Sycamore estar na cidade estudando para estudar a ligação do relógio solar com a mega evolução);




  • Pouco antes da entrada de Malva, é mostrado cenas da Fábrica de Pokébolas. Seria uma propaganda? Uma reportagem? Ou documentário?
  • Ash derrota a discípula de Olympia numa batalha dupla, marcando a primeira vez em que vemos o Treinador derrotando um discípulo de Líder de Ginásio antes de encarar o Líder em questão;


  • O fato de Sycamore não conhecer o passado de Froakie antes de ele ter sido trazido ao seu laboratório vai de encontro aos eventos do episódio "A Missão Mudkip", na qual Ash, May, Brock e Max achavam um local aonde vários bebês Mudkip eram criados para então serem levados a locais aonde seriam entregues a Treinadores iniciantes;
  • O que dizer desses Froakie falsiane, que de dia vão lá chamar você pra socializar e à noite fecham um bonde só pra te atacar na surdina?


  


  • Eu gosto muito de como Tomioka ilustra muito bem a diferença entre os Meowstic macho e fêmea - o fato de que ele é especializado em golpes defensivos e de suporte e ela em golpes ofensivos - ao colocar o macho para usar a Mão Amiga (Helping Hand) antes da fêmea usar a Visão do Futuro (Future Sight). Aliás, amei a ideia da contagem regressiva ficar bem visível;




  • Agora à noite o pessoal da PBN me informou de duas notícias bem infelizes: a primeira é a de que a The Pokémon Company já avisou Fábio Lucindo de que ele não retornará ao papel de Ash na próxima temporada de Pokémon - A Série XY. Sinceramente, como eu falei no meu desa-bafo acerca da dublagem da série, a probabilidade de manterem Lucindo com um custo alto num mercado em que se busca o preço mais baixo era realmente muito pequena. Além disso, aparentemente o filme mais recente da série, estrelando Hoopa, está em fase de dublagem no MG Estúdio no Rio de Janeiro, com um elenco de dublagem completamente diferente do da série animada! O MG Estúdio é relativamente novo no ramo de dublagem de produções internacionais, trabalhando em diversas séries da HBO como Game of ThronesThe LeftoversTrue Detective e Girls. Todavia, ele tem um longo histórico com a mixagem de som de produções do cinema nacional, como Didi - O Cupido TrapalhãoBrasília 18% Turma da Mônica - Uma Aventura no Tempo. Como vejo seriados no áudio original, não posso atestar sobre a qualidade do trabalho deles em todos aqueles, mas já tive contato com a versão brasileira de Game of Thrones e o resultado é desastroso, tanto na parte técnica, como na do elenco. Porém, considerando que o popular drama é dublado num tempo curtíssimo para o lançamento simultâneo e Pokémon permite um tempo maior de trabalho, talvez os monstros de bolso tenham mais sorte, mas certamente não consigo imaginar os fãs felizes com as mudanças dos dubladores. Você pode acessar o site do MG clicando aqui. Agora, o que realmente me intriga é: eu entendo tirarem Fábio Lucindo do Ash considerando as circunstâncias em que o dublador se encontra, mas por que dublar um filme de Pokémon no Rio com uma equipe diferente depois de anos fazendo esse trabalho em São Paulo? Será que o filme de Hoopa está tendo um distribuidor diferente dos anteriores ou será que a distribuidora do anime já está realizando um teste lá visando transferir os trabalhos de São Paulo para o Rio de vez para custear a produção? Será que tem algo que ainda pode ser feito a respeito?
 

2 comentários:

  1. No seu blog tem o Disqus para comentar, apresente para o pessoal da PBN. É bem melhor pra interagir e comentar

    ResponderExcluir
  2. só uma diga sir charizard,não vale bem dos próximos episodios fillers ok?;)

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado após a aprovação.
Comentários pejorativos e desviados do assunto abordado no post serão automaticamente excluídos.

A PBN agradece a sua participação!