Brasil Game Show veste a camisa 10 e faz maior feira de sua história


Por: Victor Neres (texto) e Danilo Andretta (fotos)

Alola galera!

Em sua décima edição, a Brasil Game Show mostrou o motivo de ser conhecida como a “maior feira de games da América Latina”. Com ingressos de sábado esgotados e um grande número de veículos de comunicação, de pequeno a grande porte, a atração aconteceu no Expo Center Norte entre os dias 11 (aberto somente para imprensa) e 15 de outubro. 

Os organizadores pensaram em reunir o máximo de pessoas possível com a arrecadação de alimentos dando direito à meia entrada para os doadores, além da carteirinha de estudante. 

A Pokémon Blast News teve o prazer de cobrir quatros dos cinco dias de evento, que teve presença de grandes marcas, como a Sony e a Microsoft. Além disso, grandes nomes do meio dos jogos eletrônicos compareceram à feira e fizeram o público ir à loucura. Hideo Kojima (Criador dos jogos Metal Gear), Nolan Bushnell (criador do Atari) e outros artistas e youtubers puderam ficar cara a cara com seus fãs em um Meet & Greet promovido pela marca Cannon.


Kojima, em sua primeira vinda ao Brasil, recebeu o prêmio Lifetime Achievement Award e teve suas mãos gravadas no Wall of Fame (Hall da Fama do vídeo game). Em uma coletiva aberta, o criador de Metal Gear disse que está querendo criar um jogo de terror no qual os jogadores vão se “borrar” de tanto medo.


Já o cocriador de Mortal Kombat, Ed Boon, também recebeu o prêmio Lifetime Achievement Award e respondeu perguntas dos fãs. Quando questionado se estava fazendo novos jogos da franquia Mortal Kombat, Boon explicou que não estava autorizado a falar sobre o assunto. 

O ponto mais negativo do evento era o preço dos alimentos, mas nada que uma ida ao mercado antes de começar a atração não resolvesse. 

Jogos e Vídeo Games

As grandiosas Sony e Microsoft estavam lá para entreter os participantes com o PlayStation 4 e X Box One, respectivamente. O problema era o tamanho das filas GIGANTESCAS, mas isto também era bom para você fazer novos amigos e arranjar até mesmo um player 2 para jogar contra você.


Já a área Indie (jogos criados por brasileiros) a fila era bem pequena e você podia experimentar de tudo um pouco. Inclusive, foi lá que joguei um possível jogo que será lançado para o Nintendo Switch. NO HERO'S HERE é um game multiplayer de até quatro jogadores, onde você escolhe um dos personagens disponíveis e precisa defender seu reino de inimigos criando balas de canhão a partir de vários processos, desde fazer a pólvora até limpar a artilharia. 

As filas para os jogos Injustice 2 e Marvel vs Capcom: Infinite também estavam curtas e os jogadores puderam tirar vários “fights” com seus heróis favoritos. 

Produtos 


Apesar da Nintendo não ter um estande no evento (leia a matéria ate o final e entenderá), os produtos Pokémon estavam lá, sendo um dos grandes motivos para os fãs não perderem a feira.


A Copag arrumou suas coisas e partiu para a BSG com sua mini loja repleta de produtos TCG. Box, decks prontos, sleeves, pacotes avulsos, caixas para guardar deck e várias novidades do jogo de cartas estavam à venda. Nas compras acima de $50, o comprador jogava um dado e dependendo do número, ganhava um brinde. 


É claro que os mangás também não poderiam faltar. A Panini estava com toda a coleção Red/Blue/ Green e Yellow nas prateleiras com 20% de desconto em cada capa. Além de Pokémon, a loja também levou outros grandes títulos, como Turma da Mônica (clássica e Jovem), Naruto, One Piece, One Punch Man e outros. 

Os fãs também poderiam comprar camisetas, toucas e orelhinhas do Pikachu. Para quem também gosta de outras franquias, as action figures prometiam agradar a todos os gostos. 

Cosplayer 


Os cosplayers estavam em peso no evento e com grande animação. A customização ganhou tanta atenção dos organizadores que quem estivesse vestido a caráter de um personagem tinha entrada franca. E não foi só isso.... A rede de cinemas Kinoplex realizou um concurso de cosplayers e concedeu aos vencedores um ano de cinema grátis. 


Coletiva de imprensa com Marcelo Tavares 


O CEO da BGS, Marcelo Tavares, fez uma coletiva na sala de imprensa e respondeu perguntas de quem foi cobrir o evento. O organizador falou de temas como corrupção no país, pirataria, aumento de mulheres no ramo dos jogos e inspiração para criar a feira. A equipe da PBN, com ajuda da assessoria, conseguiu perguntar se a Nintendo tem chances de aparecer no evento ano que vem. 

Em resumo, Marcelo respondeu: “...Faço reunião com representantes da Nintendo todo ano e aproveito para convidá-los, mas eles não aceitam. Ou seja, depende da vontade deles”. Ele ainda pediu o apoio dos fãs para tentar convencer a empresa de vir para o Brasil ano que vem. Que tal começar a usar a #NintendonaBGS para convencê-la a vir? 

Este foi um resumo de tudo o que aconteceu na Brasil Game Show deste ano. É inexplicável definir, só vendo para crer. Gostaríamos de agradecer mais uma vez a equipe da BGS por nos permitir esta experiência. Até mais!

Sessão de fotos

  • Cerimônia de abertura com Ed Boon e Kojima

  • Figuras em tamanho real de personagens mundialmente conhecidos


  • A Buscapé patrocinou a área Evolução do Videogame, que contava com mais de 150 modelos da coleção de Marcelo Tavares

  • Na área da Twitch os jogadores podiam experimentar como a plataforma de streaming funciona, e ainda levar para casa uma mochila personalizada

  • Na Arena Vivo ocorreu competições de jogos online

  • Havia uma área dedicada ao Just Dance 2018 para os jogadores experimentarem a nova versão

  • A Video Game Database é um portal que pretende reunir informações de todos o jogos lançados para todas as plataformas. Não apenas isso, o projeto reúne as versões originais dos jogos. Alguns estavam expostos:


  • Já imaginou um PC Gamer personalizado com Os Cavaleiros do Zodíaco? Esta é a proposta do Pandora Box Gemini Project


  • A Fini foi uma das patrocinadoras do evento. No estande da empresa os jogadores poderiam conseguir brindes ao ter um sorriso registrado por uma tela que fazia reconhecimento facial.

 

  • Nolan Bushnell foi um dos participantes do Meet & Greet promovido pela Canon


  •  Estande da Copag repleto de itens de Pokémon Estampas Ilustradas



  • Reunião de membros no primeiro dia, dedicado à imprensa. Na foto, da esquerda para a direita, estão Daniel Schettini (redator), Danilo Andretta (administrador) e Lucas Thiré (redator)



0 Comentários:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após a aprovação.
Comentários pejorativos e desviados do assunto abordado no post serão automaticamente excluídos.

A PBN agradece a sua participação!