Pokémon I Choose You: Revelado personagens que pegaram os iniciais antes de Ash!




A última edição do programa japonês Oha Suta contou com uma sessão especial para falar sobre o 20º Filme de Pokémon - Eu Escolho Você (I Choose You). O especial teve uma revelação muito interessantes sobre o filme, que diz respeito sobre os treinadores que pegaram os Pokémon iniciais antes de Ash.

Como todos sabem, na história original Ash acorda atrasado no dia em que vai escolher seu primeiro Pokémon. Ao chegar no laboratório do Prof. Carvalho, tanto Charmander, Bulbasaur quanto Squirtle já haviam sido levados, sobrando para Ash apenas Pikachu. Logo em seguida, o treinador de Pallet descobre que Gary havia pegado um dos iniciais, o que foi revelado na Liga Pokémon de Johto que havia sido Squirtle.


O filme conta com uma rápida cena de Gary escolhendo Squirtle, enquanto Marina escolheu Bulbasaur e Tierno escolheu Charmander! Vale lembrar que o filme conta com uma linha do tempo alternativa com relação ao anime, pois sabemos que Tierno pegou um Squirtle de acordo com a temporada em Kalos. Apesar de aparecer apenas parte do corpo de Tierno, o programa logo em seguida confirma que é o treinador. No entanto, é interessante notar que ela faz essa pequena aparição aqui.


A treinadora Marina apareceu durante a Liga Laranja no anime, no episódio 091 - Adeus, Psyduck!, quando Misty acreditou que seu Psyduck tinha evoluído em um Golduck. Aqui também há uma contradição, visto que Marina no anime tinha um Tentacruel, Psyduck e um Starmie.

Fonte: Fórum Serebii

4 comentários:

  1. Meu Deus, pra que isso tudo? Qual a vantagem de 20 anos depois eles desenterrarem personagens completamente aleatórios e identificá-los como os outros treinadores de Pallet? Ainda mais considerando que o filme sequer é a história original, apenas uma "linha do tempo" alternativa, o que só os torna ainda mais dispensáveis?

    Velho, eu entendo que eles fizeram esse filme só pra arrecadar dinheiro a partir da nostalgia (porque vamo combinar, não tem como ser uma homenagem tendo em vista que o filme é total e completamente à parte do universo do anime original), mas tem certas coisas nesse filme e em sua publicidade que extrapolam, só me fazem pensar que a Pokémon Company tá escancaradamente de sacanagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque tanta reclamação? Os filmes excluindo o 2 nunca fizer parte da cronologia principal

      Excluir
    2. Sei lá, acho que foi pelo menos uma boa ideia se preocuparem em mostrar quem eram os outros dois, coisa pra qual nunca ligaram no original.

      Só acho que, se era pra reaproveitar personagem antigo, deveriam ter usado aquele moleque lá do sandshrew, por exemplo, em vez do Tierno, que é mais ou menos recente.

      Excluir
    3. Olá Pedro, tudo certo?
      Veja, não leve meu último comentário muito a sério, por mais "assustador" que ela possa parecer XD. Eu escrevi bastante, mas o que eu quis pontuar foi essa inusitada revelação dos treinadores de Pallet.

      Não é pelos treinadores em si, é pelo trabalho que eles se deram, entende? Como se estivessem empurrando uma coisa com a barriga. Tipo, a partir do momento em que o negócio se passa em outro universo, parece que eles chutaram o balde e entraram numa de "tudo pode". É perda de oportunidade, pois isso torna tudo dispensável.

      Pense comigo: Eles poderiam colocar qualquer treinador conhecido ou mais interessante ali (o carinha do Sandshrew, por exemplo, como nosso colega "Anônimo" citou logo acima), mas colocaram dois treinadores totalmente fora de contexto (O Tierno nem aparece todo, e o pouco que aparece nem parece com ele), e o engraçado é que ainda vêm fazer propaganda em cima disso, como se fosse uma coisa super inédita e imperdível, entende? Tipo, o que é que isso vai acrescentar na vida do fã de Pokémon, tá ligado? Só vai confundir e evidenciar ainda mais o quão inconsistente os filmes e o anime de Pokémon conseguem ser.

      Particularmente, esse episódio em específico chamou minha atenção porque serve como uma metáfora para o que esse filme é de maneira geral. O último filme de Pokémon que assisti foi o 12º, não criei expectativa para este, não assisti, nem pretendo (li resenhas e notícias). Encaro o anime, filmes, entre outros, de Pokémon como produtos. Pokémon é uma marca, eles fazem filmes sem compromisso com detalhes de seu próprio universo para que sejam mais rentáveis. Não pretendo criticar isso, pois é a forma como a indústria do entretenimento parece funcionar hoje em dia em várias outras franquias, não tem jeito.

      MAS... o negócio é que esse filme em particular conseguiu ratificar todas essas impressões de uma forma que vocês não tem noção rsrs.

      Abraços
      (Desculpem se virou textão O/).

      Excluir

Seu comentário será publicado após a aprovação.
Comentários pejorativos e desviados do assunto abordado no post serão automaticamente excluídos.

A PBN agradece a sua participação!