Pokémon que já foram humanos

Como eles se tornaram Pokémon se,
há tempos atrás, eles já foram humanos?



Ninetales


               Quero começar a matéria com o meu 2º Pokémon do tipo fogo preferido (o 1º é o Darmanitan). Ninetales tem uma história bastante assustadora e, bem, "fictícia", por assim dizer. Sua história renderia um bom enredo para alguma pessoa criativa que queira criar um futuro "best-seller". (Por falar nisso, querem que eu pesquise mais sobre o assunto e faça um "livro" contando detalhes sobre essa história?) A Pokédex diz que a Ninetales é um Pokémon extremamente inteligente e vingativo. Há motivos para ela ser desta forma... Pois bem, de acordo com uma lenda bem duradoura que vem sendo lida de geração a geração, 9 santos nobres que possuíam uma energia psíquica diferente e poderosa, foram banidos e aprisionados nas 9 caudas de Ninetales. Esses nobres eram inteligentes acima da capacidade humana, e cada um possuía um poder diferente e especial, tornando-o destrutivo e muito perigoso para as aldeias daquela época que, por não ter meios de se defender, temiam um ataque.

Ninetales e seus poderes ocultos
               Os 9 santos sabiam e até entendiam o medo daquelas pessoas, por isso, em uma tentativa de protegê-los de qualquer futuro ataca que eles viessem a sofrer, os 9 santos, reunidos, criaram uma magia que duraria por 1.000 anos. Essa magia, por ser poderosa demais, geraria duas consequências: a positiva, que faria com que esses 9 santos vivessem por 1.000 anos, e não seriam feridos ou coisa parecida, e a negativa: uma maldição de 1.000 anos. Quando se mexe com a morte, ela rebate de formas que o ser humano não consegue compreender. E foi isso que aconteceu. A maldição dessa magia não afetaria somente os santos, mas todas as aldeias daquelas redondezas. Eles não queriam arriscar e preferiram conter seus poderes em um único ser. Foi então que surgiu Ninetales, contendo os poderes de todos os 9 santos, especificando a essência deles em cada cauda. Ou seja, se você toca na primeira cauda do Ninetales, sofrerá uma maldição especifica, se tocar na segunda cauda, sofrerá outro tipo de maldição, e essas maldições vão perseguir você por 1.000 anos, inclusive, além da sua morte. 


Kadabra

               Ah, acredito que a maioria dos nossos leitores devam saber sobre essa história, mas vou contá-la mesmo assim, afinal, também existem leitores que não a conhecem ou que já esqueceram. Então, há uma lenda que fala que Kadabra, antes, era apenas uma criança que, em uma manhã, se acordou e ao olhar no espelho, percebeu mudanças no seu corpo físico. No final das contas, ele chegou a conclusão que não era mais humano, mas um Pokémon com poderes psíquicos além do que ele mesmo acreditava ser possível. Esse menino sempre era diferente dos demais garotos da sua idade. Segunda a Pokédex, quando humano, Kadabra era capaz de ver o passado e o futuro das pessoas, levitar coisas, ler mentes e até mesmo se teletransportar. Isso se dá pelo fato de ele ter estimulado seu cérebro desde pequeno, levando-o a níveis absurdos. É a típica experiência que a maioria dos cientistas costumam falar: que a gente não usa 100% do nosso cérebro, mas apenas poucos %. Se fossemos capazes de usar 100%, seriamos capazes de fazer coisas que estão além da nossa compreensão mortal

Kadabra e seu terrível poder de Telecinese
               E essa criança conseguiu chegar muito próximo dos 100%, por isso a Pokédex fala que Kadabra sofre de fortes dores de cabeça constantes, isso se dá pelo fato do cérebro está sobrecarregado. Essa criança estava ajudando alguns cientistas em uma investigação sobre poderes extra-sensoriais, foi então que ele encontrou uma colher e a levou para casa. Na manhã do dia seguinte, ele acordou em forma de Kadabra. Se Kadabra/Alakazam perder suas colheres, ele se tornará um Pokémon sem poderes psíquicos elevados. Quando se torna Alakazam, seu QI aumenta drasticamente para 5.000 e seu cérebro guarda inúmeras recordações sobre diversos assuntos, tornando-o extremamente inteligente. Isso se dá pelo fato do cérebro do garoto ter finalmente chegado a 100% de uso.

Froslass


               Primeiramente, o corpo de Froslass é totalmente oco pelo fato de ela não ter mais um espírito. Sendo assim, não consegue sentir emoções, como: medo, amor, compaixão, ansiedade, e tantas outras. Por exemplo, Froslass seria capaz de congelar seus próprios filhos até a morte se ela desejasse. Froslass, antes de ser esse fantasma sem coração e sem alma, era uma mulher como qualquer outra. Por ser inspirada na Yuki-onna, reza a lenda que ela possuía a mesma aparência quando humana: uma mulher alta e bonita com o cabelo preto longo e os lábios azuis. Sua pele pálida desumanamente ou mesmo transparente faz com que ela se misture com a paisagem de neve, deixando-a invisível. Ela às vezes usava um kimono branco, mas outras lendas descrevem-na como uma mulher que andava pelada, apenas com o rosto e os cabelos em pé contra a neve. Apesar de sua beleza desumana, com apenas os olhos pode era capaz de colocar terror nos mortais. Ela flutua pela neve, sem deixar pegadas (na verdade, alguns contos dizem que ela não tem pés, uma característica de muitos fantasmas japoneses), e ela pode se transformar em uma nuvem de névoa se ameaçada. Segunda a Pokédex, Froslass consegue congelar suas presas com um sopro gelado cerca de -60 graus F. Isso é uma analogia ainda a lenda de yuki-onna, que costumava aparecer aos viajantes perdidos para congelá-los e levá-los para o seu museu de "estátuas feitas de gelo", era apenas um puro prazer.

Froslass desaparecendo junto com a neblina
               Existe uma história sobre Yuki-onna que vai explicar a vocês o que fez com que aquela mulher que a Pokédex fala se tornasse Froslass:

A versão de Lafcadio Hearn


               Há muito tempo atrás, viviam dois lenhadores, Minokichi e Mosaku. Minokichi era jovem e Mosaku era muito velho. Num dia de inverno, eles não puderam voltar para casa por causa de uma tempestade de neve. Eles encontraram uma cabana na montanha e decidiram dormir lá. Nesta noite em particular, Mosaku acordou e encontrou uma senhora bonita com roupas brancas. Ela soprou sobre velho Mosaku e ele foi congelado até a morte. Ela então se aproximou de Minokichi para respirar sobre ele e matá-lo também, mas ela passou algum tempo observando o jovem rapaz, e disse: "Eu pensei que queria matá-lo, fazer a mesma coisa que eu fiz ao velho, mas eu não vou, porque você é jovem e bonito. Você não deve contar a ninguém sobre este incidente. Se você contar a alguém sobre mim, eu vou te matar"

               Vários anos depois, Minokichi conheceu uma linda jovem, chamada Oyuki (Yuki = "neve") e se casou com ela. Ela era uma boa esposa. Minokichi e Oyuki tiveram vários filhos e viveram felizes por muitos anos. Misteriosamente, essa linda mulher nunca envelheceu. Uma noite, depois que as crianças estavam dormindo, Minokichi disse a Oyuki: "Sempre que te vejo, lembro-me de um incidente misterioso que aconteceu comigo quando eu era jovem, eu conheci uma linda jovem como você, eu não sei se era um sonho ou se ela era uma Yuki-onna..."

               Depois de terminar sua história, Oyuki de repente se levantou e disse: "Aquela mulher que você conheceu era eu! Eu lhe disse que eu iria matá-lo se você contasse a alguém sobre mim. No entanto, eu não posso matá-lo por causa dos nossos filhos. Eu prefiro me destruir a feri-lo. Cuide do que eu lhe dei com tanto amor. Elas, nossas filhas, serão sua razão de viver". Então ela derreteu e desapareceu. Ninguém a viu novamente.


Yamask

               É uma das histórias mais interessantes. Compreenda, segundo a Pokédex, Yamask carrega uma máscara que era exatamente seu rosto quando ainda era humano. Este Pokémon foi baseado em algumas lendas egípcias. Preste bastante atenção que vou explicar: Os antigos egípcios acreditavam que uma alma humana era composta de cinco partes: a Ren, o Ba, o Ka, o Sheut, eo Ib. Em adição a estes componentes da alma houve o corpo humano (denominado ha, ocasionalmente, uma plural Haw , o que significa que aproximadamente soma das partes corporais). As outras almas foram aakhu, khaibut, e khat. Uma parte importante da alma egípcia foi pensado para ser o Ib ( jb ), ou coração. Na religião egípcia, o coração era a chave para a vida após a morte. Foi concebida como sobreviver à morte no mundo inferior, onde ele deu provas a favor ou contra, o seu possuidor. Pensava-se que o coração foi examinado por Anubis e as divindades durante uma cerimônia que se chamava "o peso dos corações". Se o coração pesava mais do que a pena de Maat , era consumido pelo monstro Ammit. 


               Uma pessoa da sombra ou silhueta, Sheut, está sempre presente. Devido a isso, os egípcios supôs que uma sombra contém algo da pessoa que ele representa. Através desta associação, estátuas de pessoas e divindades foram por vezes referido como sombras. Ou seja, os egípcios criavam coisas, geralmente estátuas, que guardavam a essência da pessoa, ou seja, suas almas, que seriam sombras. Eles acreditavam que isso iriam fazer com que eles tivessem a vida eterna, mesmo depois da morte.

               A sombra também foi representante para egípcios de uma figura da morte, ou servo de Anubis, e foi representado graficamente como uma pequena figura humana pintada completamente de preto. Às vezes as pessoas (geralmente faraós) tinha uma caixa de sombra em que parte de seu Sheut foi armazenado. Yamask era um faraó quando humano, e para ter certeza que sua alma não se perderia no além, ele pintou seu rosto de preto e criou uma máscara onde sua alma seria armazenada depois que seu corpo mortal fosse destruído. E foi isso que aconteceu. Contudo, por alguma razão, depois que seu corpo motal morreu, Yamask se tornou um Pokémon, frustrado a carregar consigo sua máscara "contendo sua alma" para todos os lados. Segundo a Pokédex, Yamask chora ao olhar para a sua máscara, isso se dá pelo fato de ele sentir falta do que era antes de virar um Pokémon, da sua realeza, dos seus suditos e das pessoas que amava. É como se fosse seu inferno particular. 

É isso, espero que tenham gostado. Quem quiser me adicionar como amigo no Facebook, BASTA CLICAR AQUI


3 comentários:

  1. Hal, poderia por favor me responder a respeito de um comentário em uma outra matéria sua?

    Vc me disse que baseou os dados da matéria citada em um aplicativo chamado "Pkmn Dmg Calc 42th", porém procurarei por esse aplicativo e não achei.Até mesmo procurei por nomes parecidos, já que vc poderia ter digitado errado, mas o resultado foi o mesmo: não achei nada...

    Poderia me dizer como encontrar esse app? O nome é esse mesmo?

    Obs: eu encontrei sim outros aplicativos que funcionavam como calculadora, mas eles só calculavam o dano normalmente, não calculavam em quantos % da Pokédex o Pokémon poderia dar OHKO como vc citou na matéria.

    Grato

    ResponderExcluir
  2. Não vai me responder né, amgo? Olha que to vindo de boa te perguntar antes de acusar qualquer coisa como os haters fazem nas suas matérias...

    É difícil assim responder? Não estou te ofendendo só perguntando sobre sua matéria, ora

    Hal, poderia por favor me responder a respeito de um comentário em uma outra matéria sua?

    Vc me disse que baseou os dados da matéria citada em um aplicativo chamado "Pkmn Dmg Calc 42th", porém procurarei por esse aplicativo e não achei.Até mesmo procurei por nomes parecidos, já que vc poderia ter digitado errado, mas o resultado foi o mesmo: não achei nada...

    Poderia me dizer como encontrar esse app? O nome é esse mesmo?

    Obs: eu encontrei sim outros aplicativos que funcionavam como calculadora, mas eles só calculavam o dano normalmente, não calculavam em quantos % da Pokédex o Pokémon poderia dar OHKO como vc citou na matéria.

    Grato

    ResponderExcluir
  3. A versão de Lafcadio Hearn da lenda do Froslass deu muinto medo na parte Aquela mulher que você conheceu era eu! Eu lhe disse que eu iria matá-lo se você contasse a alguém sobre mim. No entanto, eu não posso matá-lo por causa dos nossos filhos. Eu prefiro me destruir a feri-lo. Cuide do que eu lhe dei com tanto amor. Elas, nossas filhas serão sua razão de viver

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado após a aprovação.
Comentários pejorativos e desviados do assunto abordado no post serão automaticamente excluídos.

A PBN agradece a sua participação!